xx-Sobre Mim-

xx-Pesquisar Neste Blog-

 

xxJaneiro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

xx-Posts Recentes-

xx Carta de um bébé abortado...

xx Como é que é possível?

xx Should i leave?

xx Porquê sofrer?

xx Alvaro de Campos - Às vez...

xx-Arquivos-

xx Janeiro 2007

xx Dezembro 2006

xx Novembro 2006

xx Outubro 2006

xx-Favoritos-

xx Aprender a crescer

blogs SAPO

xxsubscrever feeds

Quarta-feira, 8 de Novembro de 2006

Tudo o que odeio em ti!

Odeio a maneira como falas

Odeio como penteias o cabelo

Odeio quando dizes que estou errada

Odeio a forma como me olhas

Odeio os teus olhos brilhantes

Odeio quando lês os meus pensamentos

Odeio-te tanto que me desanimas

Odeio-te tanto que me levas a fazer rimas

Odeio-te por teres sempre razão

Odeio quando me mentes

Odeio quando me fazes rir

Odeio-te mais ainda quando me fazes chorar

Odeio quando não estás por perto

Odeio-te por não me ligares

Mas acima de tudo odeio não te poder odiar

Nem um pouco...

Nem por um segundo...

Nem por nada...

X Sinto-me: perdida...
X Música: Nelly Furtado - "Try"

xx-Meus Links-